Dicas Nutricionais para Homens

Dicas Nutricionais para Homens

O melhor que podemos desejar aos pais ou para quem é a referência paterna é que tenha muita saúde.
Diabetesse , câncer, sindrome metabólica e disfunções hepáticas são as doenças que se destacam entre as patologias masculinas. Mudar os hábitos é muito importante para prevenir essas patologias, mas isso não significa  que devemos abrir mão de momentos de prazer, como o churrasco nos fins de semana com os amigos.
Os homens em geral, têm suas necessidades energéticas elevadas, principalmente durante o crescimento estatural até que se estabilize na fase adulta, variando com o nível de atividade física do individuo. Isso acontece pela maior quantidade de músculos que o gênero masculino apresenta em comparação com o feminino, tecido este que apresenta maior consumo de calorias. 
A dica principal é a inclusão de alguns alimentos na rotina diaria do homem moderno.
Um mix de oleaginosas, como castanha de caju, brasil, nozes, amêndoas, em quantidades médias de 2 colheres de sopa vão ajudar a prevenir doenças como câncer e doenças vasculares.
Outro alimento importante é o azeite de oliva extravirgem , rico em Vitamina E, ácido oleico e Antioxidante, regula o colesterol e doenças cardiovasculares.
Por último a aveia em flocos maiores, mais rica em beta-glucanas, ingrediente importante que sendo rica em fibras, ajuda a reduzir o colesterol, prevenir o cancêr de colon, aumentando a saciedade e diminuindo a glicemia.
Em termos de ajudar na fertilidade, algumas vitaminas e minerais podem ser o diferencial para o tratamento. É o caso da Vitamina A, C, E, Zinco e Ômega 3. Sendo a Vitamina A encontrada a partir da ingestão de alimentos ricos em carotenoides como vegetais de cor amarelada, alaranjada ou vermelha como cenoura, pimentão, damasco, etc. O Zinco, estando presente em frutos do mar, ovos,cereais integrais, nozes, avelãs e feijão é responsável por aumentar o número de espermatozóides. O ômega3 ajuda na mobilidade dos espermatozóides e podem ser encontrados em peixes, ovos, leite e soja.
Vale lembrar que os pacientes são diferentes entre si  e a individualidade de cada um deve ser preconizada no começo do tratamento nutricional, levando em conta fatores além do gênero como idade, estatura, peso, preferências e o ambiente no qual se encontra. Por isso, deve-se procurar um profissional nutricionista que poderá orientar de maneira individualizada  e completa para a conquista de objetivos.

Cristina Trovó
Nutricionista

UTI das Ideias - Soluções Corporativas em Web e Design